sábado, 30 de janeiro de 2010

Você já descobriu sua felicidade?



Essa semana assisti um filme muito legal; Diário proibido. O filme é do ano passado (2009), mas nunca havia ouvido falar nele. A historia do filme como o próprio nome sugere é um diário de uma ninfomaníaca.
Tive vários pensamentos diferentes ao assistir o filme e pude notar no começo, o quanto eu, você, nós, somos preconceituosos. A francesa Valérie Tasso, escritora cujo relato
autobiográfico inspirou o filme é a personagem principal de Diário proibido.
Valérie descobre aos quinze anos que é compulsiva sexual, uma ninfomaníaca. No começo tive uma reação machista e achei que ela fosse uma “vagabunda”, mas a própria Val no filme me deu uma lição. “Porque os homens podem sair transando por ai e serem ‘garanhões’ e as mulheres quando transam com um e outro são ‘vagabundas’?”

Ela tentou mil maneiras de esconder seu problema e “ser feliz” como a sociedade achava que deveria ser. Acabou se casando, mas não deu certo, depois como ela gostava de sexo acabou virando uma prostituta, mas isso também não á fazia feliz.
Então ela descobriu que bastava ela ser como ela sempre foi, compulsiva mesmo, mas ela mesma, sem rótulos. A felicidade dela não estava no que a sociedade dizia que ela deveria ser, mas dentro dela mesmo o tempo todo.

Um comentário:

  1. É amor, esse filme realmente nos deu uma baita lição de moral,..., o que importa é ser feliz e aproveitar a vida!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Deixe seu comentário, critica ou elogio que assim que puder aprovarei e responderei.
Caso você tenha um blog e seja seguidora aqui do Paty às Avessas, deixe seu link que te seguirei também.
Obs.: comentários ofensivos não serão aceitos!
xerooOOO